O jogo virou, GE saiu do Dow Jones após mais de um século.

O jogo virou, GE sai do Dow Jones após mais de um século.

Foto: NEW YORK-Agence France-Presse


A GE saiu do Dow Jones. Seu mundo está de cabeça para baixo.

Após mais de 100 anos em um dos maiores índices de indústrias globais e muita luta para se manter como umas das empresas americanas relevantes, ela não aguentou a pressão e saiu do índice Dow Jones. 

A GE estava no índice desde sua criação, em 1896, o qual foca em ter empresas de diversas indústrias americanas líderes de mercado. Agora, a empresa terá seu lugar no índice substituido pela Walgreens, uma rede de farmácia americana.

É insano pensar que há mais de 15 anos, a GE era a empresa de capital aberto mais valiosa do mundo. Contudo, a empresa vêm tomando diversas atitudes erradas, caindo num fluxo negativo de falta de inovação agravado pela crise global de 2008.

A empresa teve diversos semestres de baixos resultados, obrigando-a a vender diversas marcas, empresas de diversos segmentos, e cortar custos para reestruturar a empresa com novos colaboradores. Ainda assim, a reação veio tarde demais, tornando sua saída do índice inevitável.

Para se ter um panorama, a empresa perdeu 80% do seu valor desde os anos 2000. Para piorar ainda mais o cenário, o CEO da empresa, John Flannery, anunciou que a empresa talvez não consiga pagar seu dividendo de 2019.

John está no comando da empresa desde 2017, substituindo Jeff Immelt, que em seus últimos dias havia começado um projeto de adaptar a empresa com o método Lean Startup para tentar salvar a empresa.

A saída do índice pode vir a ser boa para a GE repensar seus planos, ações, produtos antigos e novos e atualizá-los para o século XXI em busca de uma luz na busca pela cultura da inovação em seus negócios.

Lucas Teles

Lucas Teles

Diretor de Inovação na CRIARH Consultoria e apaixonado pela transformação que a criatividade realiza na mentalidade de pessoas e negócios.

Gostou? Comente e compartilhe o post agora!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Você também pode gostar...