Um fundo preto com um relógio em primeiro plano.

Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Não perca nossas últimas dicas, ferramentas e táticas para ser um melhor líder.

Compaixão e empatia: o que um líder precisa para manter time de alta performance 

Compaixão e empatia são características essenciais em uma liderança assertiva

A compaixão e a empatia são habilidades fundamentais para qualquer líder.

Essas duas características permitem que um líder entenda as necessidades de seu time, transmita um senso de valor e estabeleça uma relação de confiança com os membros do grupo. 

Essa relação de confiança é crítica para a manutenção de um time de alto desempenho. 

Nesse artigo, vamos explorar como a compaixão e a empatia podem ajudar um líder a se conectar com o seu time e motivá-los para o melhor desempenho. 

Vamos discutir por que a compaixão e a empatia são tão importantes para o sucesso de qualquer líder e quais habilidades são necessárias para desenvolver e aplicar essas qualidades na prática.

“Quando você tem sua mente umedecida com amor, você pode começar a meditar sobre a compaixão” – Dalai Lama

Entenda a diferença entre empatia e compaixão.

Diferença entre empatia e compaixão

A compaixão e a empatia são sentimentos muito próximos, mas possuem algumas diferenças significativas. 

A empatia é o ato de entender o que outra pessoa está sentindo, se colocando no lugar dela. 

É como se você tentasse experimentar os sentimentos da mesma forma que aquela pessoa os está sentindo. 

É um sentimento muito profundo e pode ser extremamente útil para ajudar os outros. 

A compaixão, por outro lado, é a capacidade de reconhecer e se sentir afetado pelas dificuldades de outra pessoa. 

É sentir-se envolvido com a dor de outras pessoas e desejar ajudá-las. 

É reconhecer que aquela pessoa está passando por um momento difícil e sentir-se inclinado a oferecer suporte e apoio. 

O que é ser um líder empático?

O que é um líder empático?

A compaixão e a empatia devem fazer parte do cotidiano de um líder!

Ser um líder empático é ser capaz de compreender e se conectar com as necessidades e sentimentos dos outros. 

Trata-se de  ter a capacidade de se colocar no lugar de outra pessoa e sentir o que ela sente.

Além disso, um líder empático é  sensível às necessidades dos outros e oferece suporte e conforto quando necessário. 

A importância de um líder empático em um ambiente de trabalho é que:

  • Ele pode ajudar as pessoas a serem mais produtivas e motivadas;
  • Melhora o desempenho das equipes;
  • Melhora o humor dos funcionários;
  • Ajuda a criar um ambiente de trabalho saudável. 

Além disso, um líder empático consegue aumentar a colaboração entre os funcionários, melhorar a tomada de decisões e criar oportunidades para um trabalho mais divertido e motivador.

10 dicas para tornar a empatia e compaixão grande aliada na sua liderança

A compaixão e a empatia são características fundamentais em um ambiente de trabalho.

Não é à toa que, segundo o estudo, 2020 Start of Workplace Empathy Study, 90% dos profissionais afirmam que a empatia é fundamental nas empresas.

Por isso, confira a seguir como você consegue tornar a compaixão e empatia grande aliada na sua liderança:

1. Compreenda os motivos dos seus colaboradores

Para ser um líder empático, é importante que você entenda os motivos de seus colaboradores para realizarem as tarefas e buscarem os objetivos do negócio. 

É importante que você se coloque no lugar deles para entender os desafios e dificuldades que eles enfrentam. 

2. Estabeleça relações próximas

Você como líder, precisa criar relações próximas com os seus colaboradores. 

Isso pode ser feito através de reuniões regulares para discutir os desafios e objetivos e assim, ouvir o que eles têm a dizer. 

3. Valorize o feedback

Um em cada cinco trabalhadores brasileiros não recebem avaliações de desempenho feitas por seus chefes.

Por isso, é essencial que você crie um ambiente no qual os colaboradores possam dar e receber feedback de forma segura. 

Isso ajuda a criar uma cultura de diálogo aberto e desenvolve a empatia. 

4. Demonstre interesse

É importante que você demonstre interesse genuíno nos seus colaboradores. 

Isso pode ser feito até mesmo através das maneiras mais simples: perguntando como eles estão e se eles precisam de ajuda para realizar as tarefas. 

5. Torne-se um modelo

É importante que você se torne um modelo para os seus colaboradores, ou seja, liderar pelo exemplo.

Sendo assim, isso significa que você deve estar disposto a lidar com desafios de maneira empática e mostrar a eles como lidar com as dificuldades. 

6. Seja compassivo

Para ser um líder empático, você tem que ser compassivo com seus colaboradores. 

Ou seja, você deve compreender e aceitar as diferenças entre eles e mostrar compaixão por suas dificuldades. 

7. Reconheça o trabalho dos colaboradores

É necessário que você reconheça o trabalho dos seus colaboradores. 

Isso pode ser feito por meio de elogios e recompensas por um trabalho bem feito. Como é o caso de uma liderança transacional.

8. Desenvolva a comunicação

Você deve se comunicar de maneira clara e objetiva, para que eles entendam o que você está dizendo. 

9. Forneça treinamento

Fornecer treinamento é essencial para os seus colaboradores. 

Afinal, com treinamento fica claro a sua preocupação com o desenvolvimento dos seus colegas de trabalho.

Além disso, isso ajuda a desenvolver o conhecimento e as habilidades deles e a torná-los mais empáticos uns com os outros. 

10. Seja flexível

É importante que você seja flexível com os seus colaboradores.

Ou seja, você precisa estar disposto a se adaptar às necessidades deles, para que eles possam trabalhar de forma eficaz.


A compaixão e a empatia são fundamentais para a liderança de equipes de alta performance. 

Um líder que expressa compaixão e empatia para com seus colaboradores cria um ambiente de trabalho positivo e colaborativo, possibilitando ao time alcançar um desempenho de alto nível. 

Portanto, é necessário que os líderes desenvolvam essas qualidades, pois são elas que inspiram e motivam os liderados a lutar cada vez mais para alcançar seus objetivos.

Se você quer saber mais sobre as qualidades essenciais para ser um líder de sucesso, no nosso blog temos outros diversos artigos feitos especialmente para você.

O que é compaixão?

A compaixão é a capacidade de reconhecer e se sentir afetado pelas dificuldades de outra pessoa. 

Qual a diferença entre empatia e compaixão?

A empatia é o ato de entender o que outra pessoa está sentindo, se colocando no lugar dela. A compaixão, por outro lado, É sentir-se envolvido com a dor de outras pessoas e desejar ajudá-las. 

Exemplos de compaixão

É reconhecer que aquela pessoa está passando por um momento difícil e sentir-se inclinado a oferecer suporte e apoio.

Se torne um líder melhor, em minutos

Receba semanalmente passos a passos práticos para ser um melhor líder.
Ao se inscrever você concorda com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.
curso de criatividade

Artigo por

Lucas Teles
Lucas é o Head de Inovação da CRIARH. Mas mais importante, ele é o maior apaixonado pela empresa.

Curtiu? Mande o artigo para seus amigos!

Tabela de conteúdo

Outros artigos para você

Receba conteúdos de liderança e rh

Ao se inscrever você concorda com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.
Um biscoito de chocolate voando no ar sobre um fundo vermelho.
Ao navegar pelo nosso site, você aceita a nossa política de cookies.