Empresa vertical: O que é e quais suas 5 vantagens e desvantagens

Tabela de conteúdo

A gestão vertical é caracterizada por um fluxo de comunicação descendente, que se concentra na hierarquização e na autoridade centralizada. 

A gestão vertical está orientada para a autoridade e incentiva um ambiente de trabalho autoritário, em que as decisões são tomadas principalmente pelo líder (decisão hierárquica).

Os subordinados são instruídos a seguir as instruções e os líderes tomam as decisões por eles. O foco é na execução das tarefas e na obediência das ordens.

No entanto, a Empresa Vertical também pode trazer alguns desafios, como a necessidade de um planejamento mais estratégico e maior investimento em recursos humanos.

Neste artigo, abordaremos o que é a Empresa Vertical, quais são suas principais vantagens e desvantagens e como ela pode ser implementada.

O que é uma empresa vertical?

O que é uma gestão vertical

Uma empresa vertical é uma organização estruturada em torno de uma hierarquia de autoridade. Esta hierarquia define como as responsabilidades são divididas, como as decisões são tomadas e como a informação é disseminada através da organização.

As empresas verticais tendem a ter uma estrutura de autoridade estrita, onde os gerentes de nível mais alto estão no topo da hierarquia e dão instruções a todos os outros na organização.

Os gerentes de nível inferior recebem instruções e passam-nas para seus subordinados, o que cria uma cadeia de comando.

Esta estrutura de autoridade é projetada para garantir que todos na organização estejam trabalhando na direção de objetivos comuns.

Além disso, em alguns casos uma empresa vertical é aquela que controla todas as etapas do processo produtivo, desde a aquisição dos insumos até a distribuição dos produtos finais.

Por exemplo, na indústria têxtil, ela pode controlar todo o ciclo de produção, desde a compra de matérias-primas, passando pelo processo de fabricação, até a distribuição de produtos acabados.

Essa estrutura de negócios poder ser benéfica para alguns tipos específicos de empresa. Pois ela:

  • Reduz os custos de aquisição de matérias-primas e distribuição;
  • Aumenta a eficiência e a qualidade do produto final.

Além disso, ela permite que a empresa controle melhor o processo produtivo e gerencie melhor os recursos.

As 10 características de uma empresa vertical

Uma gestão empresarial que é considerada vertical possuí alguns tipos de características próprias que fazem com que ela se diferencie das demais empresas. Confira:

1. Estrutura de poder hierárquica:

Uma empresa que utiliza o modelo de gestão vertical terá uma hierarquia de poder estritamente definida, com um único líder no topo e todos os outros integrantes subordinados diretamente a ele.

2. Tomada de decisão centralizada:

Todas as decisões são tomadas pelo líder, que tem autoridade total sobre as operações da empresa. Os funcionários não têm liberdade de tomar decisões por conta própria.

3. Foco na eficiência:

A gestão vertical tem um objetivo focado na eficiência, pois o líder está em posição de impor as suas decisões e diretrizes à equipe.

4. Controle rigoroso:

O controle dos processos é muito rigoroso, garantindo que as diretrizes estabelecidas pelo líder sejam seguidas à risca.

5. Comunicação descendente:

É comum que as informações fluam apenas de cima para baixo, o que limita o diálogo entre os funcionários. Ou o surgimento de novas ideias, por exemplo.

6. Liderança autoritária:

O líder é, geralmente, autoritário e não tolera desvios das suas diretrizes.

7. Responsabilidade individual:

A responsabilidade individual é muito importante e os funcionários são responsáveis por cumprir as tarefas que lhes são designadas.

8. Riscos limitados:

Os riscos são limitados, pois os líderes são responsáveis por todas as decisões tomadas.

9. Alta produtividade:

Como tudo é controlado e monitorado, a produtividade é alta e os resultados são atingidos de forma mais rápida.

10. Pouca flexibilidade:

A flexibilidade é limitada, pois o líder tem o controle total sobre as operações da empresa.

Qual a diferença entre uma empresa vertical e uma horizontal?

O mundo empresarial é um ambiente que envolve e depende de várias questões para a produtividade e a eficácia do trabalho.

Questões essas que envolvem:

Porém, além dessas questões, também existem os próprio modelos de gestão.

Como você viu, existe o modelo de gestão de uma empresa vertical, mas também existe o modelo de uma empresa horizontal.

A principal diferença entre um modelo de gestão vertical e um modelo de gestão horizontal é a abordagem de gestão que cada modelo toma.

O modelo de gestão vertical é centrado na hierarquia, como um sistema de top-down, onde uma pessoa ou um pequeno grupo no topo da hierarquia determina as diretrizes e toma decisões para o resto da organização.

O modelo de gestão horizontal é centrado na colaboração, onde a tomada de decisão é feita através de um processo de discussão e consenso entre todos os membros da equipe.

O modelo de gestão vertical é mais comum em empresas tradicionais e estruturadas, onde os líderes guiam por meio de diretrizes rígidas.

Esta abordagem pode ser eficaz para permitir a execução rápida de tarefas de rotina, mas pode afetar a criatividade e inovação, pois as decisões são tomadas apenas no topo da hierarquia.

O modelo de gestão horizontal é mais comum em empresas modernas e inovadoras, onde os líderes lideram por meio de discussão e consenso.

Esta abordagem permite que os membros da equipe discutam ideias e encontre soluções de maneira colaborativa, fazendo uso da criatividade e de técnicas ligadas a inovação.

No entanto, pode levar mais tempo para chegar a uma decisão, pois é necessário chegar a um acordo entre todos os membros da equipe.

“É muito melhor contar com uma ampla base de indivíduos e líderes que compartilham um conjunto comum de valores e sentem propriedade pessoal para o sucesso geral da organização. Esses indivíduos responsáveis e capacitados servirão como cães de guarda muito melhores do que qualquer líder único e dominante ou estrutura burocrática.”

– CEO, Terri Kelly

Quais as vantagens e desvantagens de uma empresa vertical?

Uma empresa que adota o modelo de gestão vertical possuí vantagens e desvantagens. Confira:

Vantagens e desvantagens empresa vertical

Vantagens:

1. Maior controle direto:

Com o modelo de gestão vertical, as decisões são tomadas diretamente pelo proprietário ou pelo gerente geral da empresa, o que significa que eles podem tomar decisões mais rapidamente e de forma mais eficiente.

2. Mais eficiência:

Com o modelo de gestão vertical, há menos tempo gasto na coordenação entre diferentes departamentos, pois todas as decisões são tomadas por um único departamento.

3. Melhor implementação de políticas:

O modelo de gestão vertical oferece um melhor controle sobre o processo de implementação de políticas, pois todas as decisões relacionadas ao processo precisam passar pelo proprietário ou pelo gerente geral.

4. Maior responsabilidade:

Com o modelo de gestão vertical, as pessoas responsáveis por tomar decisões são mais responsáveis, pois elas sabem que suas decisões terão consequências diretas e imediatas.

5. Tomadas de decisões imediatas:

Com o modelo de gestão vertical, o poder é concentrado em um único departamento. Isso significa que as pessoas nesse departamento têm mais poder para tomar decisões e implementar políticas.

Desvantagens:

1. Menos criatividade:

Com o modelo de gestão vertical, as decisões são tomadas por um único departamento. Isso significa que a criatividade é limitada porque as decisões são tomadas por uma única pessoa.

2. Menos flexibilidade:

Com o modelo de gestão vertical, há menos flexibilidade para mudar as decisões. Isso significa que se uma decisão for tomada, ela será difícil de ser alterada.

3. Maior risco:

Com o modelo de gestão vertical, há mais risco de erros porque todas as decisões são tomadas por uma única pessoa. Isso significa que, se a pessoa tomar uma decisão errada, toda a empresa pode sofrer consequências desastrosas.

4. Menos feedback:

Com o modelo de gestão vertical, o feedback é limitado, pois todas as decisões são tomadas pela mesma pessoa. Isso significa que as informações importantes que podem ajudar a tomar decisões melhores podem nunca chegar às pessoas certas.

5. Baixa motivação:

Com o modelo de gestão vertical, a motivação dos funcionários é baixa. Isso ocorre porque eles não têm autonomia para tomar decisões e não recebem feedback sobre suas atividades.

Como escolher entre uma empresa vertical ou horizontal

A escolha entre uma abordagem vertical ou horizontal de uma empresa depende das necessidades e objetivos da empresa.

Uma abordagem vertical de empresa se concentra na especialização e na profundidade de conhecimento, ao passo que uma abordagem horizontal de empresa se concentra na diversidade de produtos e na abrangência do mercado.

A escolha entre uma abordagem vertical ou horizontal depende de quais tipos de recursos a empresa pode investir, qual é o seu mercado alvo e qual é o seu objetivo estratégico.

Por exemplo, se a empresa deseja se especializar em determinado produto ou serviço, ela deve optar por uma abordagem vertical.

Por outro lado, se a empresa deseja se expandir para novos mercados, ela deve optar por uma abordagem horizontal.

Em resumo, a escolha entre uma abordagem vertical ou horizontal de uma empresa depende das necessidades e objetivos da empresa, dos recursos disponíveis, do mercado-alvo e da visão estratégica da empresa para o futuro.


Em conclusão, as empresas verticais são uma ótima maneira de aumentar a eficiência operacional, reduzir os custos de produção e melhorar a qualidade dos produtos.

No entanto, é importante considerar os riscos e desafios de incorporar as estratégias e práticas de empresas verticais antes de implementá-las.

Se você quer conferir mais sobre questões do mundo corporativo e como executar dicas 100% práticas, leia outros artigos em nosso blog.

O que é uma estrutura vertical?

Uma empresa vertical é uma organização estruturada em torno de uma hierarquia de autoridade.

Essa hierarquia define como as responsabilidades são divididas, como as decisões são tomadas e como a informação é disseminada através da organização.

O que é gestão horizontal?

O modelo de gestão horizontal é centrado na colaboração, onde a tomada de decisão é feita através de um processo de discussão e consenso entre todos os membros da equipe.

O que é estrutura horizontal e vertical?

O modelo de gestão vertical é centrado na hierarquia, como um sistema de top-down, onde uma pessoa ou um pequeno grupo no topo da hierarquia determina as diretrizes e toma decisões para o resto da organização.

O modelo de gestão horizontal é centrado na colaboração, onde a tomada de decisão é feita através de um processo de discussão e consenso entre todos os membros da equipe.

Se torne um líder melhor, em minutos.

Receba semanalmente passos a passos práticos para ser um melhor líder.
Ao se inscrever você concorda com nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.
curso de criatividade

Artigo por

Lucas Teles
Lucas é o Head de Inovação da CRIARH. Mas mais importante, ele é o maior apaixonado pela empresa.

Curtiu? Mande o artigo para seus amigos!

Junte-se a mais de 3.000 pessoas em nossa news

Não perca nossas últimas dicas, ferramentas e táticas para ser um melhor líder.

Outros artigos para você

Como gerenciar equipes remotas que eram presenciais

Na carreira de trabalho condicionamos o trabalho a equipes presenciais. Mas quando precisamos mudar para equipes remotas, como fazemos isso?
Ler MaisLer Mais
Seta CRIARH

Gestão de Equipes: 4 Dicas Essenciais

A gestão de equipes é o farol estratégico que guia pessoas a alcançarem os objetivos empresariais e pessoais de forma equilibrada.
Ler MaisLer Mais
Seta CRIARH

Gestão do Capital de Giro: Dicas para Melhorar a Saúde Financeira da Sua Empresa

A gestão eficiente do capital de giro otimiza recursos financeiros, assegurando a liquidez e saúde financeira da empresa.
Ler MaisLer Mais
Seta CRIARH